Desabafo – E. J. C. King

img_20190503_011154_7991211771926777157746.jpg

A humanidade caminha tão sem amor que quando você o pratica, é visto como errado.

A humanidade anda tão cruel que quando alguma tragédia está acontecendo, o celular é tirado do bolso não para pedir ajuda e sim para capturar o momento.

A humanidade segue tanto olhando apenas para a aparência, que você pode estar morrendo por dentro e ninguém nota. A humanidade anda tão vazia que valores e princípios sairiam do palco da prioridade e foi lhe tomado o lugar pelo fútil.

A humanidade perdeu a noção do sentido da palavra consideração, pois, ao passar por momentos difíceis aqueles com quem podem contar estão ali, porém, na hora da festa eles não serão lembrados.

Hoje se você se protege apenas se afastando de alguém por se sentir ferido é tido como o fraco e o orgulhoso que não libera perdão e é pressionado a amar àquele que lhe dilacerou por dentro. Porém, como eu disse, a humanidade se esqueceu que um ser humano de verdade tem um coração que sangra.

O erro é olhar para o rosto bonito, o sorriso com batom vermelho e esquecer que por baixo do peito empinando e bonito tem um coração que está sangrando, se despedaçando e gritando por socorro.

Infelizmente as pessoas só escutam os gritos de socorro, quando eles não são mais proferidos.

 

Anúncios
Categorias:

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s