Mente que mente – E. J. C. King

ideias-de-marketing

Caneta e folha na mão. Faltam-me as palavras certas.

Difícil colocar algo no papel. São tantas ideias embaralhadas.

Queria que me faltassem quase todas. De nada me adiantam.

Difícil confusão da mente.

Essa mente. Mente que mente pra si.

Mente que tudo vai bem.

Mente que não está bem.

Em meio a tantos devaneios. Ela está ali.

Mas ali onde? Ela quem?

Ela, a história suprema. A ideia no meu DNA.

A quem acreditem em destino. Outros já céticos.

E eu? Estou no time que acredita.

Mas crente em quê?  Fácil dizer.

Em meio a toda a confusão, eu sei que ela está ali.

Ela a suprema história que irá me transformar em quem eu nasci pra ser.

Talvez a visão do meu futuro não seja tão turva.

 Não é difícil de ter certeza, certeza de quem eu nasci pra ser.

A escritora. Com ela(a história)

Aquela que vem para consagrar-me.

Ela que veio junto com meu DNA. Que vai mostrar ao mundo quem sou.

Como tantos outros que vieram antes de mim. Não sou menos nem mais que todos.

O problema é essa mente.

Que insiste em mentir, dizendo que ela não está aqui.

Em um jogo cruel, essa mente criou mil universos e idéias que escondem A HISTÓRIA.

E eu sei que é por puro medo.

Afinal de contas. Quem mente, mente por medo de ser o que é.

Anúncios
Categorias:

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s